Pesquisar este blog

Os benefícios do café aumentaram, de acordo com novo estudo


Os motivos positivos por tomar café não param de crescer. Já sabíamos que ele é um bom aliado contra a diabetes, Parkinson e câncer, agora um novo estudo do Instituto Nacional do Câncer em Bethesda (EUA) revelou que ele também é benéfico para o fígado. O trabalho foi publicado na revista Hepatology.

Para seu estudo, os pesquisadores usaram dados do National Health Interview Survey eNutrição (NHANES, 1999-2010), selecionando um total de 27.793 participantes acima de 20 anos. Os voluntários responderam um questionário sobre seus hábitos de consumo de café e os cientistas mediram os níveis diários de sangue com diferentes marcadores da função hepática para determinar a saúde do fígado dos participantes. Entre os marcadores selecionados foram aminotransferase (ALT) aminotransferase (AST), fosfatase alcalina (ALP) e gama-glutamil transaminase (GGT).

A análise dos dados mostrou que os participantes que bebiam três ou mais xícaras de café por dia (incluindo café descafeinado) tinham níveis mais baixos de todos os marcadores da função hepática, em comparação com aqueles que nunca consumiam café.

"Os resultados relacionam o consumo de café, descafeinado ou não, com níveis reduzidos de enzimas hepáticas. Ou seja, os dados sugerem que as substâncias do café, que não são a cafeína, pode promover a saúde do fígado", diz Xiao Qian, que liderou o estudo.

Assim, independentemente do teor de cafeína, já que são outros componentes químicos do café e não a cafeína, que protege nosso fígado, o café, uma das bebidas mais consumidas no mundo aparece como um novo protetor do nosso corpo.

Cadastre seu e-mail e receba as novas postagens grátis

Informe o seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

Amigos do Google+

Amigos do Facebook

Postagens populares

Deixe seu comentário